.Entre Hemisférios

Terça-feira, 9 de Fevereiro de 2010

Mito - Partidas assustadoras da Mente Humana

“Um cientista de Phoenix , Arizona queria provar que a mente gravava e executava tudo que lhe era enviado. Para isso, precisava de um voluntário que chegasse aos limites. Conseguiu-o numa penitenciária. Era um condenado à morte, que seria executado na penitenciária de St. Louis no estado de Missouri.            

Propôs o seguinte: ele participaria numa experiência científica, na qual seria feito um pequeno corte no seu pulso, que era o suficiente para gotejar o seu sangue até a última gota. Ele teria uma pequena hipótese de sobreviver. Se isso acontecesse, ele seria posto em liberdade caso contrário teria uma morte sem sofrimento.                                                                                                       

O condenado aceitou. Fizeram uma pequena incisão no pulso. Abaixo do pulso, foi colocado um pequeno frasco de alumínio. Foi-lhe dito que ouviria o gotejar do seu sangue no frasco. O corte foi superficial e não atingiu nenhuma artéria ou veia, mas foi o suficiente para que ele sentisse que seu pulso fora cortado.        

Sem que ele soubesse, debaixo da cama havia um frasco de soro com uma pequena válvula. Ao cortarem o pulso, abriram a válvula do frasco para que acreditasse que era o sangue dele que estava a cair no frasco. Na realidade, era o soro do frasco que gotejava.                                  
De 10 em 10 minutos, o cientista, sem que o condenado visse, fechava um pouco a válvula do frasco e o condenado pensava que era seu sangue que estava a diminuir.           

Com o passar do tempo, foi perdendo a cor e ficando cada vez mais fraco. Quando os cientistas fecharam por completo a válvula, o condenado teve uma paragem cardíaca e faleceu, sem ter perdido sequer uma gota de sangue.                                                                                       

O cientista conseguiu provar que a mente humana cumpre, literalmente, tudo que lhe é enviado e aceite pelo seu hospedeiro.                                                                     
Este facto é um alerta para filtramos o que enviamos para a nossa mente, pois ela não distingue o real do inteligível, o certo do errado, simplesmente grava e cumpre o que lhe é enviado.”

No entanto, apesar disto, a notícia não tem nada de verdadeiro. O suposto cientista parecia ter saído de um filme de terror. Jamais um cientista iria realizar uma atrocidade deste género.

“Recebemos inúmeros e-mails com a mesma pergunta e a resposta é não. Nunca publicamos nada sequer parecido com o tema.”, informou a “Superinteressante”, a revista onde surgiu o mito da publicação deste artigo.

 

Categorias:
publicado por projectomec às 23:45
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
20
22

24
25

31


.posts recentes

. Terrores Nocturnos

. Bruxismo

. Sonambulismo

. Videos: Paralisia do Sono

. Paralisia do Sono

. Parassónias

. Sabias que nos esquecemos...

. Inquérito/Resultados - Há...

. Jogo - Color Match

. Sabes porque somos incapa...

.arquivos

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

.Categorias

. a mente

. curiosidades

. ilusões de óptica

. jogos

. morfologia cerebral

. notícias

. o sono

. testa o teu cérebro!

. todas as tags

.links

online
blogs SAPO